Área do cabeçalho
Portal da UFC Acesso a informação da UFC Ouvidoria Conteúdo disponível em: Português

Universidade Federal do Ceará
Museu de Arte da UFC – M A U C

Área do conteúdo

Exposição 2021.8 – Aquilo Acolá (Corredor Cultural Benfica) – 12/12/21

Ceará, temos muitas possibilidades de dizer sobre algo, alguma coisa, algum objeto ou alguém. Aquilo, aquela coisa, o negócio, o babado, o trambolho, o desconhecido, o estranho, o que não queremos ver ou esquecemos o nome. Esquecer, assim como lembrar, é um procedimento de vontade. O Brasil tem vontade de nos esquecer.

Há muitas formas de habitar o mundo, porém, para algumas existências é cada vez mais excruciante se manterem vivas. Se entender enquanto gente é quase sempre se diferenciar dos seres inanimados, dos objetos ao nosso redor. Contudo, a tecnologia inventada por quem deseja sobreviver é justamente se misturar ao diferente, ao desconhecido, aos cristais, animais, fungos, minerais, plantas e insetos. Se associar ao que não é visto e ao que está na margem.

A criação de obras que hibridizam os seres, que questionam a humanidade, nossa sociedade, nossa história e a arte como um todo, tem sido uma das grandes fugas para diversos artistas cearenses dissidentes. Urge a necessidade de conversarmos como sobreviver. Como nossas ancestrais superaram os seus tempos de dor?

Uma ode à vida que brota onde jamais esperavam. Uma ode à arte contemporânea cearense, mas aquela que está para além dos espaços institucionais. Descubra ao caminhar. Desenvolva uma conversa. Para quem quer sentir, tocar e ser tocade, para experimentar o mundo, sob a lente de quem é lido como coisa, como não-humano, ou que assim quer ser.


Artista/Cidade/Obra

PEAUG – Fortaleza – “Acredita em si mesma bixa” – Fotografia/Lambe;
AMANDA MONASTÉRIO e BIA ARRAES – Fortaleza – “Série Rastros” – Fotografia;
LUI FONTE – Fortaleza/Camocim – Ilustração/Pintura digital (3 quadros);
AKWA – Sobral – Filme “Ondas tryfurkadas”/Performance na abertura;
MONSTRA – Fortaleza – Torre – Instalação/Performance na abertura;
GLAU – Fortaleza (Jangurussu/Barroso) – Instalação;


 

Confira fotos do dia da abertura da exposição, durante o Corredor Cultural Benfica, no link abaixo:

https://www.flickr.com/photos/182111802@N04/albums/72157720233310268/with/51746777944/

Acessar Ir para o topo